DESENVOLVENDO A SUA AUTOESTIMA - CAPÍTULO VI


Mantenha a espinha ereta e os olhos para frente. Olhe com desejo, coragem e bons pensamentos. Sem isso não há como construir muita coisa. A sua autoestima precisa de reconhecimento próprio. É preciso ter afeição e respeito por si próprio. Para isso é preciso se conquistar. O jeito mais fácil de conquistar alguém é ser alguém que desperta atenção em um sentido positivo. E a melhor parte, tudo isso pode ser feito de forma amorosa e benevolente. Na verdade, é o melhor caminho. Onde os resultados realmente acontecem e a saúde se expande como um todo. Não é preciso ser esnobe ou mal tratar nada de ninguém, pelo contrário, é preciso se respeitar e respeitar o próximo. É isso que agrega valor para você e ao outro. É isso que lhe fará se sentir bem, e também ao outro. 

Ao aceitar a condição de se manter de cabeça erguida e se respeitando, terá que dar muitos “não” à vida e pessoas para que possa continuar se desenvolvendo. E isso faz parte. Tentou conhecer uma pessoa e essa pessoa não te deu moral? Bola pra frente! Com certeza há outra pessoa incrível que vai te valorizar e ajudar a desenvolver novas experiências. Algum projeto, empreendimento ou emprego não deu certo? Bola pra frente! Não esqueça nunca. Temos prazo de validade! A única certeza que temos nessa vida é a morte. O mínimo à fazer é aproveitar ao máximo esse período. Curtir, se divertir, ajudar com seu trabalho e sua compaixão todos que puder e cuidar de si próprio, respeitando sua própria individualidade e fazendo bom uso dela.

Julio Furlaneto

Nenhum comentário:

Postar um comentário