17 - A IMPORTÂNCIA DA AMIZADE NO RELACIONAMENTO - PSICOLOGOFURLANETO
Amizade no relacionamento

Um benefício imperdível para o seu relacionamento.

A amizade é o 5º Pilar para Construir um Relacionamento Saudável. Sempre que você pensar sobre algum conceito, busque entender o que ele realmente significa. Comece de uma forma simples e objetiva. O entendimento do significado te ajuda a observar se essa realidade está sendo construída, vivida e aproveitada no seu dia a dia, ou não.

Pesquisando sobre amizade, consegui encontrar um sinônimo claro de significado, o companheirismo. Companheiro é aquele que acompanha, que vive junto, agrada, protege e ajuda. Fica fácil imaginar como essas características fortalecem um relacionamento íntimo.

Considerando duas pessoas que se amam e estão buscando transcender as próprias limitações para ficarem bem e evoluírem juntas como um casal em formato de relacionamento saudável, você consegue entender que:

Proteger o outro torna o relacionamento mais seguro?

Ajudar o outro torna o relacionamento mais próspero?

Agradar o outro torna o relacionamento mais leve?

Viver junto torna o relacionamento mais íntimo?

Reflita profundamente sobre essas questões. Mesmo aceitando que você possa ter um relacionamento difícil, ou uma história passada que envolvam relacionamentos tóxicos ou abusivos, é preciso que nesse primeiro momento você se permita pensar, refletir e sentir com a mente aberta às possibilidades positivas e benevolentes advindas desse valioso pilar, que é a amizade.

Mas, a amizade não se restringe apenas ao companheirismo, mesmo percebendo que só isso já seria algo de valor extremo é necessário para a construção de um relacionamento saudável.

A amizade também é vista como boas relações. Relações que incluem afeição recíproca entre dois entes. Prestou muita atenção aqui? ‘RECÍPROCA’. Te estimulo a dar uma atenção especial a esse detalhe, pois no decorrer da minha experiência clínica, com mais de dez anos de atendimentos e centenas de casos envolvendo relacionamentos íntimos, o volume de pessoas que sofrem pela falta de reciprocidade é enorme. Criam uma fantasia para si próprias, moldada em esperança de que o outro vá manifestar aquilo que elas desejam. Normalmente continuam se frustrando, sofrem, e em alguns casos, desencadeiam somatizações e doenças. 

Um detalhe interessante dessas definições, talvez você seja mais novo do que (sou de 1984), é que as busquei no próprio dicionário Aurélio. Me lembro de tê-lo usado bastante tanto na época de colégio quanto na universidade. 

Continuando meus estudos sobre a importância da amizade para construir um relacionamento saudável, encontrei uma pesquisa feita pela Universidade da Pensilvânia lá nos Estados Unidos. Em resumo, o estudo avaliou vários participantes e concluíram que você valoriza mais aqueles amigos que também te valorizam.

Esse estudo foi feito para compreender melhor como se dá a questão do ciúmes em relações de amizades. Fique tranquilo, que falaremos sobre ciúmes em uma próxima oportunidade, também com profundidade.

É bem interessante visualizar novamente, agora em um estudo científico, que a reciprocidade é uma tendência natural do ser humano. Isso realmente é muito importante. Por isso quando você está em um relacionamento ruim, fraco, tóxico, e fica mendigando atenção, se desdobrando para fazer  mais que o máximo, na esperança do outro começar a fazer algo parecido com você para satisfazer também as suas próprias necessidades, você gera apenas desgaste e sofrimento. Caminha na contramão daquilo que é natural para nós, a reciprocidade. 

Ainda nas minhas pesquisas sobre o impacto da amizade dentro de um relacionamento íntimo, encontrei outro estudo norte-americano. Um estudo antigo, mas que teve muita relevância acadêmica. Foi realizado em 1937, na Universidade de Harvard. A pesquisa buscava entender quais fatores das relações sociais mais impactam a saúde mental das pessoas, seja para o lado positivo ou negativo. E adivinha? Depois de analisar centenas de indivíduos e suas relações, concluiu-se que o elemento que mais influencia o nível de saúde é a amizade. 

Já dá para entender que não tem como tratar algo com tal relevância de qualquer jeito. Pense no impacto positivo e benevolente de você, dentro do seu relacionamento, estimular a melhoria de saúde de ambos através da construção e manutenção de uma boa e sincera amizade. 

Francamente, assumo que é muito gostoso e gratificante falar de um tema tão bom e abrangente. Poderia descrever uma lista grande de outros benefícios que a amizade pode gerar para o seu relacionamento, tornando ela assim um pilar importante. Mas para que o conteúdo não fique muito extenso e você possa concluir com clareza e assertividade esse impacto, separei apenas mais quatro tópicos que a amizade irá favorecer para com o seu relacionamento.

1º) A amizade ajuda com a melhoria de transtornos mentais: infelizmente os transtornos mentais se tornaram realmente comuns. É difícil entrar em uma casa hoje, ver uma família, e nenhum dos membros ter problemas com ansiedade, depressão ou alguma outra dificuldade de ordem mental. Os transtornos mentais geram conflitos nos relacionamentos. Às vezes, quem tem se torna uma pessoa desagradável pelas características da própria doença, e o outro, mesmo querendo, se perde e não consegue ou não entende como pode ajudar.

Ter uma amizade forte e sólida com o seu parceiro(a) vai ajudar na recuperação desses transtornos.

2º) A amizade no relacionamento aumenta a empatia: é. A tão falada empatia. Nada mais, nada menos que o 7º Pilar para Construir um Relacionamento Saudável (fique tranquilo, que no final do conteúdo irei explicar sobre esses Pilares). De forma resumida, entenda como empatia a capacidade de compreender emocionalmente o outro. Porque o outro sente o que sente, e como sente. 

Ter uma amizade forte e sólida com o seu parceiro(a) vai ajudar a ser mais empático.

3º) A boa e sincera amizade em um relacionamento também prolonga a vida: a maioria das pessoas se perde no desespero em processos cirúrgicos e hábitos milagrosos para viver mais, e principalmente, com mais qualidade. Porém, esquecem que o simples é o mais importante.

Ter uma amizade forte e sólida com o seu parceiro(a) vai te ajudar a viver mais e com boa qualidade de vida.

4º) Uma amizade verdadeira estimula ambas as partes a manterem bons hábitos: é um processo natural advindo da reciprocidade que descrevi logo acima nesse conteúdo. Quando você tem amizade sincera com alguém e faz algo de bom para si próprio, é natural que queira estimular seu amigo, o outro, a vir e evoluir junto com você. Imagine o poder disso sendo feito por ambas as partes, todos os dias. A atividade física, um curso de inglês, finanças, apreciar um lazer e outras oportunidades.

Ter uma amizade forte e sólida com o seu parceiro(a) vai te ajudar a manter hábitos melhores.

Você precisa desconstruir o preconceito ou crença de que no relacionamento só se tem um olhar amoroso. Também, precisa entender que ter amizade com o seu parceiro(a) não significa que irá ser uma pessoa bitolada focando tudo no relacionamento. É óbvio, natural e necessário que você tenha outras amizades nos outros contextos de vida. Importante também aceitar que a amizade não é um processo que se dá aleatoriamente. Essa precisa de decisão e manutenção. Começar uma amizade pode parecer fácil, mas mantê-la em longo prazo, principalmente quando falamos de relacionamentos, onde a maioria quer ir até o final construindo com aquela pessoa, requer sua total dedicação.

Você e o seu parceiro(a) estão mudando. É uma condição natural humana. Mesmo que você tenha seus traços únicos de personalidade e temperamento, você nunca será exatamente a mesma pessoa que foi ontem. Por causa desse contínuo fluxo de transformação é preciso criar ajustes positivos e benevolentes entre você e a pessoa que você ama diariamente.

Espero que tenha entendido a importância da amizade e consiga olhar com mais atenção, dedicação e carinho na prática do dia a dia a construção e manutenção desse conceito dentro do seu relacionamento.

Julio Furlaneto

Psicólogo
CRP 14/05550-0

Sobre os 9 Pilares para Construir um Relacionamento Saudável, eu criei um site explicando detalhe por detalhe. São pilares fundamentais que favorecem com que você realmente viva e desfrute de um bom relacionamento. Disponibilizo aulas sobre cada um deles explicando e demonstrando como vivenciá-los no dia a dia.